palavras, idiossincrasias, verbos
o imaginário de uma teuto-oriental tupiniquim

~ ? ~ kk ~ archives ~ bookshelf ~ lyrics ~


 
 

Quinta-feira, Julho 26, 2001

 
 

~13:19~

matéria muito boa da Veja sobre solidão
[ou melhor: pessoas que moram sós -
solidão pra mim é o que vem bem abaixo no texto
]

"É claro que é possível viver bem sozinho - em especial, quando dá para jogar para um futuro incerto a hora de dizer 'sim' a alguém que deseje dividir o mesmo teto. Em certos momentos, contudo, é difícil driblar a tristeza de não ter ninguém ao lado. Para não falar dos pensamentos terríveis que atormenta as pessoas sós de qualquer idade - do tipo 'E se eu cair, bater a cabeça e desmaiar, quem vai me socorrer?'."
[...]
"A premência [de casar] pode ter diminuído, está mais fácil bancar o auto-suficiente, mas um certo sentimento de fracasso persiste e, em muitos casos, a solidão atrapalha a vida. Segundo estudos médicos, a falta de um parceiro contribui para debilitar a saúde. Explica-se: os solitários tendem a levar dia-a-dia mais desregrado, com menos rotina, o que do ponto de vista orgânico é uma bomba-relógio. Perturbações de ordem psicológica também podem surgir: a solidão força a pessoa a conviver consigo mesma dentro de um quadro de introspecção que pode tornar-se insuportavelmente sufocante. [...] Sua expectativa de vida é menor. [...] 'Viver só, no entanto, dá muito trabalho. É chato não ter ninguém para cuidar da casa ou de nós quando estamos doentes. Além disso, nem sempre é satisfatório ter de pegar a agenda de telefone e sair pelos bares para dar um jeito na sua vida sexual', acrescenta. No limite, cai-se doente."
[...]
"Mais numerosas no bloco do eu sozinho, as mulheres são vítimas da chamada 'compressão do mercado matrimonial', nome pomposo para a conhecida falta de homens dipostos a casar."
[...]
"Ela constata que o homem só mora sozinho porque se separou ou passou dos 30 anos e não deu mais para permanecer com papai e mamãe. Já no caso da mulher, é comum o desejo de viver só aos 20 e poucos anos, como afirmação da independência e reconhecimento pelo esforço dedicado à profissão. Outra diferença é que, quando se separa, o homem quer provar ao mundo que consegue trabalhar e cuidar da casa ao mesmo tempo [...] A mulher foge do fogão porque não quer nem mesmo lembrar-se dos tempos de dona-de-casa."
[...]
"Muitos adiam os planos de casar e ter filhos até o ponto em que, cheios de manias e acostumados a viver sozinhos, percebem qe já não conseguem compartilhar a casa com ninguém. 'No futuro, as pessoas vão viver a maior parte do tempo sozinhas e passar somente alguns períodos ao lado de alguém', aposta a psicóloga Magdalena Ramos."
[...]
"Falou-se que a solidão pode ser boa e relaxante. Ela é importante para a concentração, a memória, a reflexão e para expandir a criatividade. O problema é que quem vive só não consegue mais escolher quando e quanto deseja desfrutar esses momentos - ele está sempre sozinho, e a vida fica sem graça.[...] Uma pessoa pode passar a maior parte do tempo sozinha e sentir bem, ser boa companhia para si mesma. Outra pode estar cercada de gente e se sentir a única no mundo - o que é fruto das circunstâncias (um casamento infeliz, por exemplo) ou de uma dimensão mais existencial, cósmica (a solidão descrita por poetas e escritores)."<br> [...]
"Estreitar os vínculos com os amigos vai ganhando importância com a idade"

:: mto bom, mto bom.
mais um daqueles textos que resumem teorias de botequim. quer dizer que a tendência futura é essa? sou mais vanguarda do que pensava... u-huuuuuuuu

por kktanaka ~

 
 

 

 
 
~ ? ~ kk ~ archives ~ bookshelf ~ lyrics ~
Powered by Blogger