palavras, idiossincrasias, verbos
o imaginário de uma teuto-oriental tupiniquim

~ ? ~ kk ~ archives ~ bookshelf ~ lyrics ~


 
 

Quarta-feira, Março 28, 2001

 
 

~21:20~

para prova

Existem aqueles que viajam o mundo
Para encontrar, procurar perguntas e respostas
Encontram? Pessoas, rumores, ruídos, aventuras
Mas encontram? Procuram?
superficialidade

Existem aqueles que viajam mundos
Para encontrar, procurar as mesmas perguntas e respostas
Encontram? Idéias, pensamentos, sons e singelos aromas
Mas encontram? Procuram?
profundidade

e eu que queria encontrar e procurar
vivo perdida em checklists e plannings
para o futuro, para o dia presente
para o nada do embriagado mar sem fim

e ouço na inusitada onda de compromissos
e descompromissos:
"quando foi sua última menstruação?"

a ficha pode demorar a cair
mas percebo ou me assombro
o que é ser mulher?
pensar feminino é tão diferente?

provar, provar
mulher tem que provar mais?
sim... queria provar mais

provar novos sabores
novos perfumes
novos corpos e camas e lençóis

e beber até o fim
do cálice que me pertence
e do que não me pertence também

conquistar
pelo prazer de poder provar

encher a boca, os olhos, os ouvidos
entupir minhas narinas de cheiro
enrubescer, entumecer
a pele, o corpo
de tudo que há de mais profano
e sagrado - bem ao modo caetano

sentir o mel que derrama de minha
carne para outra carne
misturar tudo em ondas que vão
mas que também vem
ao som de minha própria cítara
que perturba minha mente
com suas notas dissonantes
e insiste... insiste em tocar
sem pausa aquela mesma melodia
repetitiva e clássica (?)

que é o que há de clássico
no mundo

procurar, buscar
sempre os mesmos lençóis marcados
e manchados de corpo

e na pele aquela sensação
clássica
de desejo que não se cala

e compara
e para mais uma vez imitar
augusto? haroldo?
de campos

COMpara
comPARA?

Para/com
Com para

E o corpo que não se cala
E a mente que não para

Compara.

por kktanaka ~

 
 

 

 
 
~ ? ~ kk ~ archives ~ bookshelf ~ lyrics ~
Powered by Blogger